Homem é detido com correspondências violadas dos Correios, em Paulínia

0

A Guarda Municipal deteve, na madrugada desta terça-feira (12), no bairro Bom Retiro, em Paulínia, um homem de 39 anos com cerca de 100 kg de correspondências dos Correios que não tinham sido entregues. A maioria estava violada.

O suspeito disse à corporação ser funcionário dos Correios há 16 anos na cidade de Sumaré, e que estava com as correspondências há cerca de um mês.

O caso foi apresentado no plantão policial de Paulínia e os policiais aguardam a retirada dos materiais apreendidos por um representante dos Correios. O homem foi ouvido e liberado, e irá responder por furto e peculato.

Em nota, os Correios informam que estão acompanhando o caso para tomar as medidas administrativas cabíveis e realizando os devidos encaminhamentos junto aos órgãos de segurança.

“A empresa destaca que a conduta atribuída ao carteiro não condiz com as normas da instituição e não reflete o comportamento do seu quadro de pessoal. Orientamos os clientes que aguardem o recebimento de seus objetos postais (correspondências, boletos, encomendas) em suas residências. Informações sobre extravios e indenizações podem ser obtidas pelos canais oficias de atendimento da empresa”, diz o comunicado.