Log in
A+ A A-

Colisão de trens deixa mais de 40 feridos nos EUA

Quarenta e duas pessoas ficaram feridas na madrugada desta terça-feira em uma colisão entre dois trens na Filadélfia, leste dos Estados Unidos.

O choque aconteceu às 00H15 (1H15 de Brasília) entre um trem de grande velocidade e outro que estava parado e sem passageiros no Terminal da Rua 69, explicou à AFP Heather Redfern, porta-voz da Southeastern Pennsylvania Transportation Authority.

"As 42 pessoas que estavam a bordo do trem em circulação ficaram feridas, mas suas vidas não correm perigo", disse.

Uma investigação foi iniciada para determinar as causas da colisão.

 

Um descarrilamento no metrô de Nova York em 27 de junho deixou 36 feridos e provocou pânico entre os passageiros.

Morre bebê diagnosticado com a superbactéria KPC

O Centro Infantil Boldrini, informou que morreu, na manhã de sábado, o bebê de 5 meses que estava internado no hospital, em Campinas, e foi diagnosticado com a superbactéria KPC (Klebsiella Pneumoniae Carbapenemase). Ele fazia tratamento para uma doença congênita no sangue e a equipe médica não conseguiu controlar a infecção.

Com uma doença chamada agranulocitose congênita (caracterizada pela produção precária no organismo de um tipo de glóbulo branco no sangue) desde seu nascimento, o bebê, uma menina, estava internado no Hospital Estadual Mário Covas, no ABC, antes de ser transferida para Campinas. Devido ao agravamento do quadro, ele foi transferido de hospital no dia 28 de julho e estava na UTI devido a um choque séptico.

Em nota assinada pelo Dr. Louandre F. A. Vallarelli, o Boldrini diz que “a infecção não pôde ser controlada, apesar de todos os esforços empreendidos pela equipe médica, de enfermagem e multiprofissional de nossa instituição e do tratamento antimicrobiano específico para esta bactéria, devido à grave deficiência imunológica congênita causada pela doença de base apresentada pela paciente.”

O hospital ainda destaca que foi feito um levantamento no histórico das principais bactérias multirresistentes pelo setor de Microbiologia do hospital e, nos últimos 20 anos, este foi o primeiro caso desta bactéria na instituição. A nota do centro infantil também diz que se solidariza “com o sofrimento e tristeza dos familiares da paciente”.

O bebê tinha um histórico de diversas infecções, sendo que algumas podiam ser consideradas crônicas, como a doença de Fournier, que obriga o tratamento com uso de uma câmera hiperbárica. Segundo as informações, o registro é isolado e não há, até o momento, a possibilidade de novos casos que possam configurar um surto (três ou mais registros da mesma doença).

 

Para a área da saúde, a superbactéria KPC pode ser definida como extremamente resistente, mas os relatos informam que ela pode ser controlada com ações integradas e tomadas dentro do tempo de reação adequado.

Câmara analisa nesta semana PEC que cria distritão e financiamento público

Na próxima terça-feira (22), o plenário da Câmara dos Deputados deverá analisar a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 77/03, que trata da reforma política e prevê um novo sistema para eleição de vereadores, deputados e senadores, o chamado"distritão", e também a criação de um fundo com dinheiro público para financiar campanhas eleitorais.

A PEC 77/03 será discutida como pauta única do plenário, em sessão marcada para começar as 13h. Estarão em votação o texto-base, que ainda não tem consenso da maioria dos parlamentares.

Na última tentativa de votação, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), encerrou ao considerar o quórum de parlamentares presentes baixo. Além do texto-base, 14 destaques também serão analisados.

Pelo sistema "distritão", serão eleitos os vereadores e deputados (estaduais e federais) mais votados, como ocorre atualmente na escolha de prefeitos, governadores e presidente da República. Não será considerada a proporcionalidade do total de votos recebidos pelos partidos e coligações.

A ideia divide opiniões dentro do Congresso. Várias propostas alternativas têm sido levantadas, como outro modelo, apelidado de "distritão misto", que seria uma combinação de voto majoritário no candidato e voto em legenda, ou seja, os eleitores poderiam votar em candidatos ou no partido nas eleições para deputados estadual e federal.

O relator Vicente Cândido (PT-SP) disse à Agência Brasil que ainda não há acordo em torno de nenhuma proposta. Líderes da oposição prometem tentar barrar qualquer tentativa de aprovação dos modelos majoritários para as eleições de cargos do Legislativo.

A indefinição pode arrastar ainda mais a tramitação da reforma política na Câmara. A expectativa é que a discussão, prevista para esta terça-feira, se arraste por mais de uma sessão.

Fundo para campanhas eleitorais

A PEC prevê ainda o financiamento das campanhas eleitorais com dinheiro público por meio da criação do Fundo Especial de Financiamento da Democracia. O relator justifica que diante do contexto de investigação do uso de recursos não contabilizados nas campanhas das últimas eleições, a utilização de recursos públicos poderia dar mais transparência para o processo eleitoral.

O tema do financiamento público também gerou polêmica, principalmente depois da definição de que o fundo seria composto por 0,5% da receita líquida calculada no período de um ano do Orçamento da União, o que corresponderia hoje ao valor de R$ 3,6 bilhões.

Apesar de ter sido aprovado na comissão especial que analisou a PEC 77, líderes partidários e o próprio relator já adiantaram que a proposta pode sofrer alterações em plenário, como a redução do valor para R$ 2 bilhões ou até a retirada total para definição futura pela Comissão Mista de Orçamento do Congresso.

A proposta prevê ainda acabar com a vitaliciedade dos cargos de ministros do Poder Judiciário, instituindo para os juízes das Cortes o mandato de dez anos.

Comissões

 

Além da PEC 77, que irá para análise do plenário da Câmara, comissões da Câmara estão analisando outras propostas, que fazem parte do pacote da reforma política, como a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 282 – que trata do fim das coligações partidárias para eleições proporcionais, estabelece normas sobre fidelidade partidária e acesso dos partidos políticos aos recursos do fundo partidário. A reunião para discutir o tema será na Comissão Especial, na terça-feira (22).

Em 'Pega Pega', Dom revela a Cristóvão que é seu filho perdido

Dom (David Junior) mostra para Sabine (Irene Ravache) uma foto dele na praia com cinco anos e percebe que a mãe mente ao dizer que se recorda do dia em que a foto foi tirada. Arlete (Elizabeth Savala) revela a Prazeres (Cristina Pereira) que era ela quem depositava dinheiro na conta bancária das irmãs.

Malagueta (Marcello Serrado) seduz Sabine. Arlete fica arrasada quando Júlio (Thiago Martins) decide ficar na casa de Evandro (Paulo Vilhena). Arlete e as irmãs recebem uma intimação da polícia.

Delegado Siqueira afasta Domênico (Marcos Veras) de suas funções e decide transferi-lo para outra delegacia. Dom insiste e Cristóvão aceita ir pescar com ele. Sabine pede a Malagueta que fique atento aos movimentos de Eric (Matheus Solano) e pede ajuda ao filho de Timóteo (Cacá Amaral) para que ela tenha total controle da sede brasileira da Ribeiro & Favre.

Arlete guarda as provas do acidente da ex-mulher de Eric. Athaíde pede a Timóteo que consiga o laudo e as fotos do inquérito do acidente de Mirella. Domênico confidencia a Nina que está arrasado por ter sido afastado.

Prazeres acusa Antônia (Vanessa Giácomo) de ter se envolvido com Júlio para investigar o roubo. Mathias diz a Eric que o tratamento com Bebeth (Valentina Herszage) está evoluindo e que irá levá-la para visitar o túmulo da mãe.

 

Eric aceita Domênico como detetive particular para investigar o roubo do hotel. Domênico revela a Eric que os depoimentos de Agnaldo (João Baldasserini) e Wanderley (Bernardo Marinho) se contradizem. Dom revela a Cristóvão o resultado do exame de DNA e comprova que ele é seu filho perdido.

Delegado mata a mulher juíza em Perdizes, Zona Oeste de SP

O delegado Cristian Lanfredi, 42, que atuava na Assembleia Legislativa de São Paulo, matou a mulher, Cláudia Zerati, 46, juíza do Trabalho, e depois se suicidou na manhã deste domingo (20) em Perdizes, Zona Oeste de São Paulo.

Segundo o padrinho da filha do casal informou à polícia, o delegado chegou a deixar a menina de seis anos com ele após um desentendimento com a mulher por volta das 4h. Lanfredi voltou para a casa, em um prédio de alto padrão na Rua Tucuna, matou a mulher e se matou, de acordo com as primeiras informações da investigação.

Vizinhos ouviram disparos por volta das 6h, foram até o apartamento, a porta estava aberta e eles encontraram o casal baleado e já morto. De acordo com o padrinho, a menina contou que os pais brigaram porque Lanfredi havia se recusado a tomar seu remédio. O delegado estava afastado do trabalho para tratamento. O caso foi registrado no 91º Distrito Policial.

 

O Tribunal Regional do Trabalho divulgou nota lamentando o falecimento da juíza, titular da 2ª Vara de Franco da Rocha. Ela nasceu e estudou em Campinas, no interior do estado. O expediente ficará suspenso no Fórum de Franco da Rocha nesta segunda-feira (21).

Jerry Lewis morre aos 91 anos

O ator e comediante Jerry Lewis morreu aos 91 anos neste domingo (20). Conhecido como "Rei da Comédia", ele é um dos maiores comediantes de todos os tempos.

O agente do ator confirmou que Lewis morreu nesta manhã em sua casa em Las Vegas, no estado norte-americano de Nevada. Entre junho e agosto deste ano, ele ficou hospitalizado para tratar de uma infecção urinária. Ainda não há informação sobre o que levou à morte do comediante.

A última apresentação de Lewis nos palcos ocorreu no hotel South Point, em Las Vegas, em outubro do ano passado.

Além de influenciar uma geração inteira de comediantes e ser um ícone do riso, Jerry também conduziu causas humanitárias, como seu programa beneficente anual do Dia do Trabalho para a Associação de Distrofia Muscular, que ele começou a apresentar em 1952.

 

A aposentadoria do evento só veio em 2011. Por seu trabalho nessa área, Lewis chegou a figurar na lista dos candidatos a recebe o Nobel da Paz em 1977.

Carreira

Jerry Lewis atingiu o estrelato junto do cantor Dean Martin, com quem atuou a partir de 1946 e formou uma das duplas mais memoráveis do humor americano.

Dean Martin era o elegante da dupla, especialmente quando cantava, enquanto Jerry Lewis exercia o papel do parceiro imprevisível. Os espetáculos eram totalmente abertos à improvisação.

Após dez anos de sucessos demolidores nos teatros e no cinema, graças a filmes como "O marujo foi na onda" (1952) e "O rei do laço" (1956), em 24 de julho de 1956 Dean Martin e Jerry Lewis fizeram o último espetáculo como dupla no clube Copacabana, em Nova York.

Ainda na década de 1950, Lewis se notabilizou pelas apresentações em clubes noturnos, na televisão e no cinema. Ao longo de cinco décadas de carreira, ele estrelou mais de 50 filmes.

O filme mais famoso de sua carreira é a comédia “O Professor Aloprado”, de 1963. Protagonizado e produzido por ele, o longa conta a história do atrapalhado professor universitário Julius Kelp. Depois de ser humilhado por alunos e quase demitido da instituição de ensino pelas constantes trapalhadas em que se envolve, Kelp cria uma fórmula que o faz ser elegante, charmoso e bom de papo. Nasce então Buddy Lee.

O filme ganhou uma nova versão na década de 1990, quando Eddie Murphy viveu o professor aloprado.

Seu último filme, lançado no ano passado, foi "A Sacada", em que faz um papel secundário. O último como protagonista foi "Max Rose", de 2013, o primeiro em que ele fez o papel principal desde "Rir é Viver", de 1995.

No longa, ele interpreta o viúvo Max Rose, que, ao mesmo tempo em que sofre com a perda da esposa Eva (Claire Bloom), investiga uma descoberta que pode acabar com as certezas adquiridas após muitos anos de casado.

Já o antepenúltimo trabalho de Jerry como ator foi o filme brasileiro "Até que a Sorte nos Separe 2", em que trabalhou com Marcius Melhem e Leandro Hassum. Na época das filmagens, o ator estava com 87 anos. (Veja reportagem do Fantástico sobre o filme abaixo).

Outro grande trabalho do ator foi o filme “O Rei da Comédia”, de 1983, dirigido por Martin Scorsese. Lewis é Jerry Langford, um comediante de sucesso que possui um programa de TV no qual dá oportunidade a jovens humoristas de talento. A caminho do trabalho, ele é sequestrado por Rupert Pupkin (Robert De Niro), que só o libera em troca da participação em seu programa.

Prêmios

Ao longo de sua carreira, Lewis ganhou vários prêmios pelas suas atuações, como American Comedy Awards, Golden Camera, Los Angeles Film Critics Association e do Festival de Venice.

Além disso, possui duas estrelas na Calçada da Fama. Em 2005, recebeu o Governors Award da Academia de Artes e Ciências Televisivas.

Jerry Lewis nunca recebeu um Oscar por sua atuação nas telonas. Ele só foi lembrado pela Academia de Cinema em 2009, quando recebeu um Oscar por seu trabalho humanitário.

Repercussão

Lewis foi um modelo a ser seguido para muitos comediantes e humoristas, que manifestaram tristeza ao saber de sua morte. "Eu tive a honra de assistir um show dele em Las Vegas e depois tive a honra de contracenar com ele", afirmou Marcius Melhem à GloboNews.

"Foi um dos dias mais nervosos da minha vida. Nem quando as minhas filhas nasceram fiquei tão nervoso", disse Melhem. "Foi muito emocionamente passar o dia com ele, gravar, filmar. Eu estava eufórico, emocionado, tentando fazer tudo direitinho."

 

Leandro Hassum, dupla de Melhem e que tem um autógrafo de Lewis tatuado no braço, também lamentou morte do ídolo. "O céu está cada vez mais incrível", postou no Twitter.

Polícia identifica o motorista da van do atentado de Barcelona

A polícia catalã anunciou nesta segunda-feira que "identificou o motorista do atentado de Barcelona" que matou 13 pessoas na última quinta-feira, minutos depois que o governo regional designou como fugitivo o marroquino, de 22 anos, Younes Abouyaaqoub. As polícias europeias foram notificadas da informação para ampliar a busca pelo foragido na Europa. O número de mortos nos atentado, em Barcelona e Cambrils, subiu para 15, segundo o governo.

Pessoas se reúnem em um memorial às vítimas do ataque. Flores, mensagens e velas foram deixadas nas RamblasPolícia espanhola procura imã suspeito de radicalizar jovens

"Identificado o motorista do atentado de Barcelona", escreveu a polícia catalã no Twitter sem dar o nome, depois que o ministro do Interior, Joaquim Forn, disse em entrevista à Catalunya Radio que "tudo aponta" para Abouyaaqoub. "Temos que falar com as polícias europeias para divulgar a identidade porque esta pessoa (...) seria procurada em todos os países europeus".

Imagens de câmera de segurança mostraram Younes fugindo pelo mercado La Boquería, cuja entrada principal fica nas Ramblas, avenida onde o criminoso atropelou centenas. Segundo chefe da polícia catalã, Josep Lluís Trapero, após passar pelo mercado, o criminoso foi correndo em direção à Zona Universitária. As provas da polícia que confirmam a autoria de Abouyaaqoub do ataque são documentos no furgão, o aluguel do veículo, evidências científicas e testemunhas que o viram durante a fuga.

— Abouyaaqoub tem o fisíco normal, com aproximadamente 1,80m, pele escura, cabelo curto, poderia estar de barba e ter trocado de roupa apesar de não ter passado em casa — detalhou o Departamenoto de Interior catalão.

Forn disse ainda que as autoridades não dispõem de "nenhum dado no momento que nos faça pensar que pode estar fora do país, mas é evidente que temos que trabalhar com todas as hipóteses". Questionado se os investigadores descartavam a possibilidade da morte do jovem na véspera do atentado, na explosão registrada em uma casa na qual a célula terrorista preparava material explosivo, Forn foi enfático: "Se foi a pessoa que causou o atropelamento, não pode estar morto".

O motorista da van dirigiu pela popular e movimentada avenida de Las Ramblas a toda velocidade correndo por cerca de 500 metros, saiu do veículo e fugiu a pé, continuando a fugir.

Nesta última cidade costeira, ao sul de Barcelona, mataram mais uma pessoa, aumentando para 14 o número de mortos.

Dos demais 11 integrantes da célula terrorista, cinco foram mortos no atentado de Cambrils, quatro estão detidos e as autoridades suspeitam que dois morreram na explosão de uma casa em Alcanar na semana passada.

 

 

Sheik marca 2 e Ponte bate o Botafogo no Moisés

Depois de ser poupado na última rodada, Emerson Sheik voltou ao time e fez a diferença para a Ponte Preta, nesta tarde (20), no Moisés Lucarelli. Com grande atuação e dois gols, o atacante garantiu a vitória da Macaca por 2 a 1 sobre o Botafogo pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro. O resultado encerra o jejum da alvinegra, que não ganhava há quatro partidas e vinha de três empates seguidos por 0 a 0.

Prefeitura de Campinas lacra escola onde bebê morreu no 1º dia de aula

Prefeitura de Campinas lacrou, nesta quinta-feira (17), a escola infantil Casinha do Saber, onde uma bebê de 4 meses morreu em seu primeiro dia de aula, no dia 8 de agosto. De acordo com a secretaria de Urbanismo, a unidade está proibida de desenvolver qualquer atividade econômica ou comercial até regularizar sua situação junto à Administração.

A escola havia sido ordenada a fechar na terça (15), e tinha um dia útil para cumprir a determinação. No momento da fiscalização, não havia alunos na Casinha do Saber.

"No local não foi identificada atividade escolar, mas havia atividade administrativa. Prestadores de serviço estavam na unidade para vistoriar as adequações que precisam ser feitas e por isso a equipe de fiscalização não colocou o lacre físico, mas os responsáveis estão cientes de que no local não podem ser desenvolvidas atividades", destaca a nota da pasta.

Caso os responsáveis descumpram a determinação da prefeitura, a escola será multada em 5 mil UFICS (cerca de R$ 16 mil); reincidindo, o valor dobra e passa para 10 mil UFICS (R$ 32 mil).

Representante da escola, o advogado Ferdinando Galliano Neto destacou que a escola está providenciando a documentação para liberar o funcionamento.

Investigação

A Polícia Civil abriu inquérito para investigar a morte de Emanuelle Calheiro Maciel na última sexta-feira (14). O delegado Hamilton Caviolla Filho, titular do 1º Distrito Policial já colheu os depoimentos dos pais de Emanuelle e, a partir da próxima semana, vai convocar funcionários e proprietários da unidade de ensino.

Ele afirmou que a investigação vai apurar eventual crime e dolo - quando há intenção - na morte da criança. De acordo com ele, a creche só será responsabilizada criminalmente se ficar comprovado a culpa de algum funcionário no óbito da criança. Pelo menos cinco pessoas vão ser convocadas para depor.

"Temos que ver as circunstâncias que levaram a asfixia dessa criança para a gente chegar a um ponto de encontro. Temos que ver se houve o dolo ou se houve um acidente. Nossa função é apurar se houve crime, se alguém matou essa criança. É essa a participação da Polícia Civil", afirmou o delegado.

 

O laudo do Instituto Médico Legal (IML) para o atestado de óbito da menina apontou que Emanuelle morreu sufocada por "broncoaspiração maciça por alimento na creche". Com as mesmas informações, o IML emitiu, na quarta, o laudo solicitado pela Polícia Civil para a abertura do inquérito.

Subscribe to this RSS feed
Sportbook sites http://gbetting.co.uk/sport with register bonuses.