Log in
A+ A A-

'Mito' Paraíba celebra a boa fase no Majestoso

A estreia no Campeonato Brasileiro não poderia ter sido melhor para o lateral-direito Nino Paraíba. Além de marcar um dos quatro gols na goleada de 4 a 0 sobre o Sport, algo que não fazia há quase cinco anos, deu assistência, fez cruzamentos e foi eficiente na marcação. Desde a atuação quase perfeita, ele ganhou um novo apelido entre os colegas: "Mito Paraíba".

Uma virada e tanto para quem chegou a ser colocado em segundo plano pela Ponte Preta há cerca de um ano. "Desde que cheguei, minha intenção sempre foi ajudar. Graças a Deus, estou conseguindo e hoje estou muito feliz aqui", disse o atleta, que já fez 65 partidas oficiais pela Macaca.

A fase do jogador de 31 anos é tão positiva que surgiram rumores de possíveis interessados em sua contratação. Um deles seria o Botafogo. "Se tem alguma coisa acontecendo, não estou sabendo de nada. Tenho contrato com a Ponte até o final do ano e meu foco está somente aqui", afirma.

Para tranquilizar a torcida e garantir a permanência do lateral, a diretoria da Macaca até se posicionou oficialmente a respeito. O gerente de futebol Gustavo Bueno revelou a existência de multa contratual estipulada em R$ 5 milhões pela rescisão do atual compromisso que vale até dezembro deste ano. Valor que, segundo o dirigente, não é nada animador para algum clube brasileiro, levando-se em conta ainda que o atleta tem 31 anos de idade.

Se hoje tudo vai bem, Nino ainda recorda do período ruim no Majestoso depois do Paulistão de 2016. "Estava disputando posição com o Jeferson e cheguei a ser colocado para treinar em separado. Quando o Eduardo Baptista chegou, tive uma boa conversa com ele e ganhei nova oportunidade. Entrei e, desde então, só tem acontecido coisas boas na minha vida. Foi com muito trabalho e dedicação que consegui dar esta virada", conta.

Último gol

 

Antes do jogo com o Sport, a última vez que Nino havia marcado gol foi quando ele atuava pelo Vitória. No triunfo por 5 a 3 sobre o América-MG pela 35ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, no dia 7 de novembro de 2012, no Barradão, ele balançou a rede duas vezes. "Meus companheiros na Ponte já estavam até tirando onda comigo porque eu chutava e não marcava de jeito nenhum. Ou a bola ia para fora, ou o goleiro pegava. Agora, depois deste gol, já estão de chamando até de 'Mito' Paraíba", destaca, sorrindo. A Macaca volta a campo, domingo, às 18h, no Rio de Janeiro, diante do Botafogo.

Media

Sportbook sites http://gbetting.co.uk/sport with register bonuses.