Brasileiro morre em travessia ilegal do México para os EUA

Um reencontro de família terminou em tragédia na fronteira entre México e Estados Unidos. O mineiro Fabrício da Silva Santos, de 31 anos, morreu na travessia entre os dois países, nesta sexta-feira (5).

O corpo do mineiro foi encontrado no Rio Bravo, em Díaz Ordaz, Tamaulipas. Familiares começaram uma campanha para fazer o translado do corpo. Neste domingo (7), o saldo da arrecadação ultrapassava R$ 11 mil.

Conforme a CBN, Fabrício atravessa a fronteira para ficar com a esposa e o filho de 6 meses. A família dele, procedente da cidade de Guanhães, no Leste de Minas Gerais, informou à emissora que esta não foi a primeira tentativa dele de entrar no país. Fabrício já tinha sido preso e deportado ao ser flagrado na travessia.

 

O Ministério das Relações Exteriores se pronunicou sobre a morte de Fabrício Santos em nota. O texto informa que o Consulado-Geral do Brasil no México acompanha o assunto e já está em contato com familiares de Fabrício. Sobre a ajuda no translado do corpo, o Itamaraty declarou que, segundo o artigo 55 do Decreto 7.724, não está autorizado a divulgar detalhes.-los-angeles/2017/05/08-293609.html © 2000 - 2017. Todos direitos reservados. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

Sportbook sites http://gbetting.co.uk/sport with register bonuses.