Justiça Federal condena Edson Moura e Edson Moura Júnior à prisão

0

A Justiça Federal condenou os ex-prefeitos de Paulínia, Edson Moura, e seu filho, Edson Moura Júnior, ambos do MDB, à prisão, em regime semi-aberto, por apropriação indébita entre os anos de 2005 e 2007. Moura foi condenado a 5 anos, 8 meses e 22 dias de prisão. Já Moura Júnior a 5 anos, 11 meses e 6 dias de reclusão. Eles poderão recorrer em liberdade.

De acordo com a denúncia, os dois eram sócios da empresa 2M do Brasil Industria e Comércio Ltda., e descontaram a contribuição do INSS de seus funcionários, mas não repassaram ao Instituto de Previdência. O entendimento é que os dois se apropriaram dos recursos que eram dos trabalhadores.

Outro lado

A assessoria de imprensa dos políticos informou que eles não foram notificados sobre a decisão. Ressaltou que cabe recurso e que os “advogados de ambos irão estudar qual linha de defesa vão tomar no referido processo”.

Fonte: Blog da Rose