Mulher e avô são agredidos a marretadas em Paulínia

0

Agressor de 21 anos teria um relacionamento com a jovem de 18; ela e avô, de 66, tiveram afundamento de crânio

Uma mulher de 18 anos e seu avô, de 66, foram agredidos na cabeça com uma marreta dentro da própria casa por um homem de 22 anos, na noite de quarta-feira (24), no bairro Vila Monte Alegre, em Paulínia. O caso ocorreu por volta de 22h e o homem teria um relacionamento com a jovem desde 2016.

Ele fugiu com o carro do avô da mulher e, na fuga, morreu em um acidente de trânsito na cidade de São Manuel, na região de Bauru, a cerca de 190 km de Campinas. Ele bateu de frente com um caminhão que carregava cana no km 189 da Rodovia Deputado João Lázaro de Almeida Prado (SP-255).

As duas vítimas tiveram afundamento de crânio e foram socorridas ao Hospital Municipal de Paulínia. Devido a gravidade dos ferimentos, elas foram mais tarde levadas ao HC (Hospital de Clínicas) da Unicamp.

Segundo o boletim de ocorrência, a GM (Guarda Municipal) de Paulínia foi acionada para atender uma briga de casal na Rua José Ernesto Pigatto. Chegando ao local, encontrou o idoso caído ao chão ensanguentado.

Já a mulher foi encontrada na casa de fundos, também ensanguentada. A GM conta que havia tufos de cabelo espalhados em volta da vítima. O caso foi registrado como homicídio qualificado.

Fonte: acidadeon